A comunicação é a única ferramenta capaz de fazer a organização tornar-se uma corporação comprometida com metas e objetivos comuns. Filmes institucionais, vídeo-notícias, além de jornais internos e outras publicações fazem a empresa atuar unida em busca de bons resultados.

“Não existe empresa sem comunicação”

O tempo da administração linha-dura, autoritária que mal se comunicava com seus funcionários já passou e não deixou saudades, pois além de provocar traumas nos profissionais, entregava péssimos resultados de produção e um ambiente de trabalho marcado por brigas internas, sabotagens e fofocas que mais parecia um show de horror.

A comunicação é o maior ativo que a gestão moderna conquistou, pois as estratégias comunicacionais apresentaram com clareza objetivos e metas da empresa e de seus departamentos, definindo os processos e tornando transparentes os métodos de atuação de todo o corpo empresarial. Os benefícios de se apostar pra valer na comunicação são ainda muito mais valiosos, quando dá voz aos colaboradores e consolidam compromissos mútuos de melhorar sempre.

Não importa o tamanho da organização, a comunicação corporativa sempre terá o papel de ressignificar o ambiente de trabalho. O novo sentido é fruto de um projeto que pode nascer entre os gestores ou sócios da empresa, mas que foi dialogado, interpretado por alguns funcionários e apresentado ao coletivo com olhares de gente que está lado-a-lado com cada colaborador.

Construir o ambiente de confiança em que a corporação tenha espaço para se expressar nos veículos é um caminho que está diretamente ligado aos objetivos de produção pois ele traduz as etapas e procedimentos para atuar com segurança e qualidade e envolve, compromete toda a equipe para a melhora contínua de todos os indicadores do local de trabalho.